Tu trouxeste uma enorme doçura à minha vida. Em pouco tempo, foste mais do que muitos foram em anos. Sem que eu desse conta, infiltraste-te no meu coração; e, agora, ele não quer mais que saias de lá. Recusa-se a aceitar que isso aconteça, e ele próprio já me disse que se ia sentir incompleto. Vês? Vês a falta que me fazes? Eu já não vivo sem ti. Já não vivo sem as tuas palavras, nem sem os sorrisos que me provocas sempre que falamos. Cada conversa contigo são mil e um sorrisos garantidos, porque tens esse dom. Não precisas de dizer macacadas nem de desatar a contar anedotas, basta que sejas tu. Basta que sejas tu para me fazeres sorrir. Porque eu me sinto bem, e me desligo do resto do mundo, só porque estou a falar contigo. Sempre que fores a baixo, eu vou estar aqui para te estender a mão e te levantar. Vou estar aqui para te pôr bem lá no topo. E quando o céu escurecer e parecer que vai chover, mesmo por cima de ti, pensa em mim. Pensa no quanto eu gosto de ti e verás que todo este nosso sentimento te vai ajudar, te vai fazer sentir melhor.

8 comentários:

  1. Ta fixe....
    Tens jeito para fazer texto...

    Bjinhos

    ResponderEliminar
  2. mariana, tens que aprender que as palavras de amor perdem o sentido, quando usadas sem critério.
    ... que amigos não são para gurdá-los no peito e sim para mostrar-los que são amigos.
    ... que certas pessoas vão embora de qualquer maneira.
    ... que é dificil traçar uma linha entre ser gentil, não ferir as pessoas e saber lutar pelas coisas em que se acredita.

    ResponderEliminar
  3. ele que não se esqueça que dentro de ti bate um coração que ama.

    ResponderEliminar